NOVEMBRO AZUL - Sistema FAERR|SENAR
  • Postado por: ASCOM/SENAR
  • 05 de Novembro de 2018 às 11:02
  • 20
  • 0

O QUE É PRÓSTATA?
A próstata é uma glândula localizada na região pélvica do homem, apresentando um formato semelhante ao de uma noz. Situa-se logo abaixo da bexiga e à frente do reto, sendo atravessada pela uretra, canal que se estende da bexiga ao pênis e por onde a urina é eliminada.
A principal função da próstata é produzir uma secreção fluida para nutrição e transporte dos espermatozoides, que são originados nos testículos e levados até a vesícula seminal através dos ductos deferentes. Juntamente com as secreções das vesículas seminais e das glândulas peri-uretrais, constituem o sêmen, que é o líquido expelido
durante a ejaculação.
O QUE É CÂNCER DE PRÓSTATA?
O câncer de próstata é uma doença onde as células da próstata podem sofrer modificações e se multiplicarem de forma
descontrolada, podendo avançar e atingir outros órgãos, localmente ou à distância.
A real causa do câncer de próstata ainda é desconhecida. Entretanto, já se sabe que ele é originado de desequilíbrios
genéticos que causam alterações moleculares responsáveis pelo seu desenvolvimento. Fatores ambientais podem estar
também envolvidos, causando o desencadeamento ou aceleração deste processo.
O câncer de próstata é muito comum. Depois do câncer de pele, é a neoplasia maligna mais comum no sexo masculino,
representando cerca de 10% de todos os cânceres diagnosticados, sendo seu risco maior do que o câncer de mama nas
mulheres.
Estima-se que um em cada seis homens vai ser diagnosticado com câncer de próstata durante sua vida. Nos países
desenvolvidos, onde a expectativa de vida é maior, o câncer e próstata já é o mais frequente entre os homens.
A doença pode demorar a se manifestar, exigindo exames preventivos constantes para não ser descoberta em estágio
avançado e potencialmente fatal.
SINTOMAS
Quando o tumor cresce, os sintomas mais comuns estão relacionados ao ato de urinar:
Levantar várias vezes durante a noite para ir ao banheiro;
Urinar frequentemente ao longo do dia;
Dificuldade em iniciar e manter um jato contínuo;
Urgência em urinar, podendo haver escape;
Gotejamento no fim do fluxo;
Sangue na urina;
Dor e esforço para esvaziar a bexiga.
Mais raramente a doença pode causar também dificuldade
de ereção e dor na ejaculação.
Em fases avançadas, outros sinais podem surgir:
FATORES DE RISCO
IDADE
Cerca de 62% dos casos são de homens a partir dos 65 anos;
HISTÓRICO FAMILIAR;RAÇA
Maior incidência entre homens de pele negra;
ALIMENTAÇÃO INADEQUADA,
À base de gordura animal e insuficiente em frutas, verduras, legumes e grãos;
SEDENTARISMO;

OBESIDADE.
COMO SERÁ O DIAGNÓSTICO?
Mesmo na ausência de sintomas, homens a partir dos 50 anos, ou dos 45, se houver histórico familiar ou raça negra, devem ir anualmente ao urologista para realizar o toque retal e fazer o exame de PSA no sangue.
20% dos pacientes com câncer de próstata são diagnosticados somente pela alteração no toque retal.
OUTROS EXAMES PODERÃO SER SOLICITADOS SE HOUVER SUSPEITA DE CÂNCER DE PRÓSTATA, COMO AS BIÓPSIAS, QUE RETIRAM FRAGMENTOS DA PRÓSTATA PARA ANÁLISE, GUIADAS PELO ULTRASSOM TRANSRETAL.

A AUSÊNCIA DE SINTOMAS NÃO GARANTE QUE NÃO HÁ PROBLEMAS. POR ISSO, FAÇA OS EXAMES PREVENTIVOS
E CUIDE DA SUA SAÚDE DE FORMA INTEGRAL!


Deixe seu comentário:

0 Comentário